Quando a urtiga não pica e é a rainha na culinária...

Saibam que a urtiga não é mais "a má da fita" e que é a "menina bonita" da Confraria da Urtiga, nascida em 2009 em Fornos de Algodres (Guarda) e que tem feito maravilhas na arte da culinária. Bombons, queijadas, esparregado, alheira e caldo de urtigas são algumas das delícias que confecionam com as urtigas, voltando atrás no tempo quando em periodos de fome, as pessoas utilizavam as urtigas na alimentação.

A urtiga é rica em vitaminas, sobretudo as do grupo B, C e K (possuindo seis vezes mais vitamina C que a laranja), betacaroteno, minerais como o magnésio e ferro (possuindo duas vezes mais ferro que o espinafre), oligo-elementos, aminoácidos e proteínas, cálcio, fosfato e sais.

Agora, "não me mandem às urtigas" e se as arrancarem do jardim levem-nas para a cozinha. Bom apetite!


Contactos

Pieces of Moments