Portugal...Rei dos Castelos

 
Celebra-se hoje, dia 07 de Outubro/15, e desde 1984, o Dia Nacional dos Castelos. Sete Castelos tem a bandeira portuguesa, em honra das sete batalhas vencidas por Portugal sobre os mouros. Os nossos Castelos são a memória viva de um povo conquistador. E são sete também os Castelos mais bonitos de Portugal. Conheça então os magníficos sete:
 
O Castelo de Guimarães (na foto acima): castelo medieval associado ao berço da nação e umas das 7 maravilhas de Portugal.
 
O Castelo de Óbidos: outra das 7 maravilhas de Portugal, situado no distrito de Leiria e envolvido pela vila. Pensa-se que o local tenha sido habitado pelos romanos e pelos árabes, que foram construindo fortificações contra inimigos.
 
O Castelo de Almourol: no concelho de Vila Nova da Barquinha, distrito de Santarém,situa-se numa pequena ilha na linha do Tejo e está associado à Ordem dos Templários. É um dos exemplos mais significativos de arquitectura militar do século XI.
 
O Castelo de Marvão: em pleno Alentejo, no Distrito de Portalegre, de estilo gótico, mandado construir por D. Dinis e que envolve a vila medieval.
 
O Castelo de S. Jorge: em Lisboa, com uma fantástica visão sobre o Tejo e Lisboa, construído pelos muçulmanos em meados do século XI com a função principal de defesa militar.
 
O Castelo dos Mouros (Sintra): situado na Serra de Sintra, construído por volta do séc. X, após a conquista muçulmana da Península Ibérica. Usufrui de uma paisagem envolvente que se estende ao Oceano Atlântico.
 
O Castelo de Monsaraz: em Reguengos de Monsaraz, distrito de Évora, que julga-se ter sido construido por D. Dinis, a partir de um castro pré-histórico, está associado à Ordem dos Cavaleiros Templários e classificado como Monumento Nacional. Possibilita uma vista deslumbrante sobre a Barragem do Alqueva.
 
CASTELO DE ÓBIDOS
 
CASTELO DE ALMOUROL
 
CASTELO DE MARVÃO
 
CASTELO DE S.JORGE
 
CASTELO DE SINTRA
 
CASTELO DE MONSARAZ
                                                                                  Pae, foste cavalleiro.
Hoje a vigilia é nossa.
Dá-nos o exemplo inteiro
E a tua inteira força!

Dá, contra a hora em que, errada,
Novos infieis vençam,
A benção como espada,
A espada como benção!


 Fernando Pessoa sobre D. Afonso Henriques

(Obra A Mensagem)

 

 


Contactos

Pieces of Moments