As bulas terapêuticas dos livros...

22-07-2019 09:43

Está em voga o conceito da Biblioterapia (já aqui falado antes), dado que são vários os estudos científicos que comprovam que ler faz bem à saúde. Deste modo, existem livros para todos os males, só se tem de encontrar aquele ou aqueles que se adequam aos sintomas identificados por nós.

Mas, não pensemos que a Biblioterapia é um conceito novo. Não, não é. A Biblioterapia remonta às civilizações grega, egípcia e romana, em que as pessoas recorriam muito à leitura da Bíblia e do Corão como processo de cura nos hospitais. Mais tarde, também no decorrer da I e II Guerra Mundial, foram criadas bibliotecas nos hospitais de campanha. Contudo, foi no início do século XX que a Biblioterapia foi reconhecida como uma nova ciência.

A Biblioterapia é pois, "o tratamento de doenças através da leitura de livros."

Ora bem, tendo recentemente lançado o meu livro O Prado da Felicidade, e na medida em que o mesmo está a ser trabalhado junto das escolas, qual é a sua bula terapêutica? Aqui fica:

Indicado para combater:

Défice de espírito crítico e de criatividade

Acessos de agressividade

Défice de raciocínio ético e moral

Desvalorização das pequenas coisas como processo para a felicidade

Desrespeito pela natureza e por todos os seres vivos

O medo de errar (essencial para o processo de aprendizagem ao longo da vida)

Efeitos Secundários:

Incremento da coragem

Acréscimo de inspiração e de criatividade

Estímulo da curiosidade e da imaginação

Reflexão

Autoconhecimento

Amadurecimento emocional e acréscimo de confiança

Diálogo

Respeito

Assertividade

Entusiasmo pela leitura e aquisição do vício de ler

Posologia:

Não havendo risco de sobredosagem, ler a qualquer altura do dia e ao longo da vida, as vezes que forem necessárias ;)

BOAS LEITURAS! Ah, e o Prado da Felicidade agradece a todas as pessoas que quiserem tê-lo na biblioteca lá de casa ou que possam indicá-lo nas escolas, infantários, municípios ou bibliotecas municipais! O Prado da Felicidade continuará a andar em itinerância e por isso contamos com o vosso apoio! Até já!

 

 

Contactos