Mar de inverno, abóbora Matilde e Pão Por Deus

É o que se diz de um fim de semana 3 em 1: houve ondas com sabor a Inverno, muitas abóboras, entre elas a abóbora Matilde e houve Pão Por Deus. Que bem que soube. O São Pedro poupou na chuva e salvou o peditório e a alegria das crianças, que este ano fizeram sair mais cedo os casacos mais grossos. As pessoas refugiaram-se mais mas estiveram sempre lá junto à porta. Para os pais e mães, houve em mais um ano, licor de vinho envelhecido e broas para acompanhar. E depois, é sempre bom deambular pelas ruas da aldeia e apreciar as vistas do campo. A cereja no topo do bolo é estar depois em família a degustar coisas boas da boa mesa portuguesa (na foto faltaram as castanhas assadas e o bolo da Avó, mas também estiveram presentes).

 
.

Quanto à abóbora Matilde, a maior abóbora portuguesa, com 180 kg, veio de Vila Praia de Âncora para a 2ª Edição do Festival da Abóbora, que se realizou em Atalaia- Lourinhã. No Festival foi possível conhecer sabonetes e exfoliantes de abóbora para o corpo, bem como experimentar vários doces, licores, bolos e pizza, confecionados a partir de abóbora. Até foi possível apreciar o trabalho fantástico de dois dinossauros feitos de abóbora. Por fim, o Festival apresentou a torta solidária gigante (de abóbora, claro) de 58 metros, que foi vendida em 1,5h e tendo rendido uma verba de mil cento e treze euros, a favor dos Bombeiros Voluntários da Lourinhã.

Um fim de semana em grande. 

 

 
 
 
 
 
 

Contactos

Pieces of Moments