Nem a juventude sabe o que pode, nem a velhice pode o que sabe - José Saramago

20-11-2015 15:42

Grande e sábia frase. De facto, nem por vezes os jovens sabem das suas potencialidades e por isso, não tiram vantagens da sua energia, desenvoltura e de tantos outros pontos fortes. É na juventude que devem construir o seu futuro, delinear os sonhos, estimular a sua criatividade e desenvolver atividades que contribuam para um bom desenvolvimento e crescimento pessoal.

Por outro lado, os menos jovens têm toda a sabedoria adquirida ao longo da vida mas falta-lhes já a energia. São uma grande fonte de sabedoria e de tranquilidade mas já não conseguem ou não faz sentido para eles, explorar na prática ou colocar em prática toda a vivência que possuem.

Bom mesmo é conseguir que ambas as gerações tenham contacto uma com a outra (pais, avós e jovens) porque assim podem sempre trocar experiências de vida e estados de espírito: os mais jovens conseguirão dar algum positivismo aos menos jovens e estes poderão enriquecê-los com a sua sabedoria.

Jovens: não percam a hipótese de conviver com os mais velhos e de "beber" da sua sabedoria.

Menos jovens: não deixem envelhecer o espírito, apesar da quebra de energia e mantenham-se ativos.


Contactos

Pieces of Moments