As raízes que nos suportam...

17-07-2017 15:12

Ontem foi dia de ouvir falar de raizes e dos 7 Dons do Espírito Santo - Sabedoria, EntendimentoConselho, Fortaleza, Ciência, Piedade e Temor de Deus. E não serão estes os nossos pilares, as raizes essenciais que nos prendem de forma sólida a uma vida plena? Não será a Sabedoria e o Entendimento do que está para além do que nos é superficial, que nos dão a Fortaleza e o Conselho necessários? Não será a Ciência, pincelada de Humildade e de Piedade que nos torna verdadeiramente sábios? Não deveremos todos/todas nós ter Temor a Deus ou, pelo menos, acreditar de que existe uma Entidade que tudo criou e de que existe um Mistério a respeitar? De que existem situações, sinais, que mais tarde, os/as que vêem com o coração, são capazes de entender a razão de terem acontecido?

Estou convicta cada vez mais de que temos de ouvir com o coração, de usar a intuição e utilizar a nossa sabedoria em prol do nosso desenvolvimento pessoal, como também do desenvolvimento social. Citando a parábola do semeador de Jesus:

"O semeador saiu a semear. Enquanto lançava a semente, parte dela caiu à beira do caminho, e as aves vieram e a comeram. Parte dela caiu em terreno pedregoso, onde não havia muita terra, e logo brotou, porque a terra não era profunda. Mas, quando saiu o sol, as plantas se queimaram e secaram, porque não tinham raiz. Outra parte caiu no meio dos espinhos, que cresceram e sufocaram as plantas. Outra ainda caiu em boa terra, deu boa colheita, a cem, sessenta e trinta por um. Aquele que tem ouvidos para ouvir, ouça! Os discípulos aproximaram-se dele e perguntaram: "Por que falas ao povo por parábolas? Ele respondeu: A vocês foi dado o conhecimento dos mistérios do Reino dos céus, mas a eles não. A quem tem será dado, e este terá em grande quantidade. De quem não tem, até o que tem lhe será tirado. Por essa razão eu lhes falo por parábolas: Porque vendo, eles não veem e, ouvindo, não ouvem nem entendem."

Sejamos "terra fértil", capaz de fazer gerar boas "sementes". Não sejamos "terra" pouco profunda e árida, nem deixemos que os "espinhos" sufoquem as boas "sementes" que temos dentro de nós. É hora de olhar e ver, de ouvir e entender o essencial da vida. Na vida familiar, no trabalho e em sociedade.

Deixem-se inspirar, deixem-se transformar.


Contactos

Pieces of Moments